Estruturas temporárias do Beira-Rio começam a ser desmontadas

A Copa do Mundo se despediu de Porto Alegre no último dia 30, e, aos poucos, o Beira-Rio vai se transformando novamente. As estruturas temporárias estão sendo desmontadas. O estádio permanece sob administração da Fifa, mas o comando do Beira-Rio volta para o Internacional na terça-feira, dia 8 de julho, segundo o Comitê Organizador Local (COL).

Dos R$25 milhões necessários para bancar as estruturas, R$2,9, em diversos equipamentos, são estimados para ficar como legado após a Copa do Mundo.

Deverão ficar como patrimônio para o poder público local itens como cones de sinalização, extintores de incêndio, divisórias tipo drywall, carrinhos para coletar lixo, sistemas de exaustão, prateleiras, torneiras, pisos em carpete e cerâmica, entre outros.

Fonte: globoesporte.com

Comentários encerrados